Mercados Asiáticos

 

Negociamos dívidas externas de países asiáticos, ações, renda fixa corporativa, ETFs e fundos denominados em moeda local ou em dólares dos EUA. Nossos consultores financeiros monitoram os mercados financeiros asiáticos de perto, a fim de descobrir as melhores oportunidades de investimento para os clientes.

Os Mercados Asiáticos são considerados o motor de crescimento do mundo para os próximos 25 anos. Vale a pena mencionar que, durante a crise econômica de 2008-2009, esses mercados superaram os mercados desenvolvidos da Europa em 20%.

Hoje em dia, está claro que os Mercados Asiáticos e Emergentes estão profundamente entrelaçados. Os Mercados Asiáticos têm um desempenho muito forte globalmente, o que impulsiona o desempenho geral dos Mercados Emergentes.

Maior participação da mão-de-obra, capital, desenvolvimento tecnológico e inovação são elementos na essência do crescimento da região. É fato que as exportações possibilitaram à Ásia transformar suas economias, por se tornarem fabricantes de baixa margem de produtos com marcas ocidentais. Ao longo desse processo, os empreendedores asiáticos aprenderam sobre relações comerciais com países estrangeiros e suas tecnologias.

Os seguintes setores estratégicos constituem os principais mecanismos – ou os potenciais – dos investimentos e de crescimento:

  • Tecnologia da Informação e Comunicação: a Ásia é a maior usuária da Internet do mundo, com 40% de participação mundial, e é também o maior mercado mundial de telefones celulares.
  • Tecnologia da Informação Corporativa e Governamental (TIC Corporativa)
  • Setor de saúde: biotecnologia, fabricantes de produtos médicos e desenvolvimentos farmacêuticos.
  • Construção
  • Finanças (incluindo seguro e serviços bancários)
  • Transporte

A Ásia é o maior e mais populoso continente do mundo. Ela cobre 8,6% da superfície total da Terra (ou 29,9% da área terrestre) e, com aproximadamente 4 bilhões de pessoas, ela abriga 60% da população mundial. Durante o Século XX, a população da Ásia quase que quadruplicou.

A Ásia tem o segundo maior PIB nominal de todos os continentes, depois da Europa. Mas tem o maior, quando medido em PPP. Em 2010, as maiores economias da Ásia eram a China, Japão, Índia, Coreia do Sul e Indonésia.

A continua expansão do patrimônio pessoal e das oportunidades na região de gastar ou investir são elementos definidores da taxa de crescimento excepcional da Ásia. Porém, há um fator estrutural que facilita o crescimento dessa poderosa máquina econômica: a combinação de acesso/desregulamentação e estabilidade/regulamentação.

A crise no sistema financeiro dos EUA criou grandes oportunidades de investimento nos mercados de capitais asiáticos.

A StateTrust negocia instrumentos nos seguintes países asiáticos:

  • China, Índia, Austrália, Cingapura, Malásia, Vietnã, Indonésia, Coreia do Sul, Tailândia, Japão e Filipinas.

 

 

Essa imagem ilustra o tamanho relativo do PIB dos países asiáticos no encerramento de 2010.